Minhas Copas do Mundo – 2002

JAPÃO E CORÉIA 2002 – A COPA DO SONO

Todo mundo morrendo de sono vendo aquela merda. Eu estava com 16 anos, segundo colegial, auge da minha rebeldia, achava cool não acompanhar futebol mais (exceção dos comerciais da Nike, que sempre foram aquele ai meu deus!).

Nossa, só de falar me deu sono.

Aquela Copa foi de cagar por causa dos horários. Os jogos foram bons. A escola ficou muito mais solta, com a Copa rolando. O logo e os mascotes não vou nem falar. Tudo modernoso. E modernoso, como vocês sabem, é uma merda. Parabéns, modernidade.

ARGENTINA E INGLATERRA

Certo dia, desci no pátio, e todos estavam lá, comemorando feito idiotas, assim como no dia 11 de setembro do ano anterior eu desci ao pátio e vi idiotas comemorando. A Argentina nãoo conseguia furar a parede vermelha da Inglaterra. Aquilo foi uma tristeza. Argentina cairia na primeira fase naquela Copa.

A Copa foi do Ronaldo, mas também não foi aqueeeeila coisa. Muito melhor que a Copa foram as paródias do Hermes e Renato:

FRANÇA E SENEGAL

A campeã da época fazia o jogo de abertura. Aquele frio, o sol mal tinha saído, Zé e Jokes colaram aqui em casa para nos buscar (Felipe e eu) e depois a Carol e a Naty para vermos a partida em grande estilo. E começou em grande estilo memso, já que o Zé, que na época contava 15 anos, veio nos buscar dirigindo o Classe A da mãe dele. Coisa fina. Partimos pra casa do Zé, que estava sozinho, e sentamos todos no sofá, morrendo de sono, pra maldizer nossa imiga imediata, a França. E nem teve lá muita graça, já que a França tomou um gol, e perdeu o jogo, fácil fácil. As meninas tavam com dor de cabeça e o Jokes disse “Vou te dar um remedinho”. Rimos disso por um bom tempo. Talvez por sermos jovens, talvez por estarmos morrendo de sono, talvez, talvez.

BRASIL E TURQUIA

Combinei com meu amigo Jokes pra assistir o jogo na casa dele. Acordamos no meio do primeiro tempo, morrendo de vontade de dormir, e amaldiçoando o colégio que não dispensara a presença depois do jogo. Porra, puta que pariu! Libera a meninada! Era só isso: acordar com sono e frio, ver o jogo bem mais ou menos, e ir pra escola. Eu odeio o Japão! Deveriam jogar uma bomba naquele lugar! E odeio a Coréia também! De quebra! Merda de horários idiotas. Deveriam fazer como fazem nossos irmãos argentinos, e adotarem também o horário de Brasília. É só dar uma puxadinha na linha do fuso.

BRASIL E INGLATERRA

Dois a um de virada, jogão, emoção. Acordei só no segundo tempo. A emoção já tinha passado. Lúcio Lambari entregou o gol, e o Rivaldo empatou na jogadaça do então menino Ronaldinho Gaúcho. Ronaldinho fez o gol cagado no Seaman (o Homem do Mar), que parece meu tio Ronaldo. E aí? Merda de horário.

A FINAL: BRASIL E ALEMANHA

Brasil e Alemanhã, jogo pegado. Desta vez acordei a tempo. Com minha xícara na mão, assisti à final debaixo das cobertas, sozinho no quarto. Há forma mais deprimente pra se acompanhar uma final de Copa do Mundo?! Com certeza há, como, por exemplo, assistindo seu pai masturbar seu cachorro, ou vice-versa. Então tava com como tava! Fiquei sinceramente feliz vendo o Ronaldo marcar dois gols na final. Ele tinha sido incrível a Copa toda, estava voltando de lesão, ele é o máximo mesmo. Ainda bem que ele veio pro Corinthians.

CONCLUSÃO:

Brasil campeão.

Ronaldo de volta.

Kahn melhor da Copa (se fodeu).

Porra, vou dormir depois dessa! Cacete, Coréia e Japão! Foi uma merda essa Copa! Se foder todo mundo!!!

1 Comment

Filed under Coitado do Manolo, Futebol, Seres Humanos Reprováveis

One response to “Minhas Copas do Mundo – 2002

  1. Pingback: Balanço & Termos Mais Pesquisados « Rafael Zanatto

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s