Pizza

E AÍ RAFINHA TAVA BOM O BANHO?

Ei! Como você sabe que eu tava tomando banho?

SEU CABELO TÁ MOLHADO UÉ

Ah… ah bom…

E TAMBÉM PORQUE EU TAVA VENDO

Cacete, mano!!

GUILTY RSRS

Se foder, você! Cacete!

Acabei de voltar da pizzaria. Foi assim:

Saímos de carro, chegamos na praça, o Bruninho falou: Olha lá, tá aberta a conveniência 24 horas. (Porque outro dia tava fechada, veja só). Falei: Vamos parar tomar uma cervejinha então. O atendente era um gordo semi-gay, mas era simpático. Peguei uma Heineken (que saudades eu tava de você, meu amor), meu irmão pegou uma Brahma (ele diz que prefere Brahma a Heineken, imagina só), o atendente gordinho disse: Deu seis reais; Mas meu irmão entendeu: Duzentos reais; e foi por isso que ele se virou pra mim e riu.

Fomos pra pizzerie, e minha Heineken tava quente. Não apenas isso, mas eu estava dirigindo, então pedi pro Bruno segurar, e ele fez questão de colocar entre as pernas, chocando minha cerveja. Eu disse: Porra, você tá chocando a minha cerveja? E ele tinha fechado a minha garrafinha com a tampa da dele. Coisa de louco.

Chegamos na pizzerie, uma friaca do caralho. Tinha umas crianças que ficaram em polvorosa quando nos viram. Na verdade, não eram crianças, eram 4 meninas no início da adolescência, e nenhuma delas era apetitosa ao ponto de me fazer dizer: Uhm, now check out that cilf. No, not at all. Eu gosto de mulheres magrinhas, e aquelas não eram. Magrinhas, magrinhas. Braços finos, now that turns me on. Outro dia estava lendo, e estava escrito her thin arms e eu juro pra vocês

JURA PRA MIM TAMBÉM RAFINHA?

Juro, juro, por que não. Juro pra vocês que eu fiquei de pau duro ao ler aquelas palavras. Uhm. Bom, eu já tava de pau duro. Quer dizer, eu estava me masturbando já. E eu li, mas não num livro, na minha cabeça (esqueci de dizer que eu estava lendo um livro imaginário, enquanto queimava numa febre masturbatória) e você me diz: Rafinha, qual o sentido disso?

Bom, num faz muito sentido, mas. Fazer o quê. Vamos falar um pouco sobre este blog, e sobre as pesquisas que as pessoas andam fazendo.

As pessoas andam pesquisando muito sobre masturbação incestuosa. Na verdade, masturbação é o main theme deste blog, mesmo que eu tente negar. Mesmo que eu tente negar que masturbação é o main theme da minha vida. (Minha vida, pessoal, coisa séria!) Mas tudo bem, vai.

Tudo bem, nada! Pessoal pesquisa “Bater punheta com o pai”; “Meu irmão me ensinou a bater punheta”; “Ensinando meu irmão a bater punheta”; “Batendo punheta pro meu cachorro”. E mano, eu nem tenho cachorro – não que isso me impeça de bater punheta pros cachorros dos outros. Mas esse não é o ponto. O ponto é

QUAL O PONTO RAFINHA?

Mano, espera. Deixa eu falar. O ponto eu não sei qual é, mas sei que esta pesquisa chegaria perto de atingir o ponto: “Só pica enorme de 30 centímetros”. Mano, imagina ter uma pica de 30 centímetros? E fina, ainda por cima! Imagina! Fina que nem espaguete! Aí, sim, é disso que eu gosto! Mentira, pinto fino é uma coisa que vou te dizer. Eu não consigo me masturbar vendo um vídeo em que o sujeito tenha um pênis estranho. Não consigo. Nem pequeno, nem aqueles enormes, também! Aquelas rolaças grossas, que a menina num consegue nem pôr na boca! Porra! Qual a graça de ter uma piroca que não cabe na boca dos outros? É pra isso que foi feito, e dá errado?!

RAFINHA FOI FEITO PRA PENETRAR A VAGINA

Mano, “penetrar a vagina”? De onde você tira esse papo?

AH EU FIQUEI COM VERGONHA SEI LÁ NUM SABIA QUE PALAVRA USAR VOU FALAR O QUE XOXOTA?

É, xoxota é feio. Xota, então. Buceta. Uhm, not quite.

BOM RAFINHA VAMOS MUDAR DE ASSUNTO PORQUE EU SEI QUE VOCÊ FOI FAZER OUTRA COISA AGORA NO PC E PERDEU O FIO DA MEADA

É verdade, é verdade..

Vamos falar sobre:

PINTOS ESTRANHOS

Então, eu odeio pintos estranhos, e não dá pra assistir, muito menos bater uma punheta vendo um filme quando o sujeito tem um pinto estranho. É pedir demais ter um pênis comum, como o meu? E você pergunta: Ué, mas como é um pênis comum, como o seu. E eu digo: Ah, um pinto normal. Mas qual o tamanho? Ah, normal. 12 centímetro mole, 8, duro. Ah mas que coisa estranha. Coisa estranha foi aquela vez que eu tava batendo uma bola no centro de práticas esportivas e minha carona me ligou falando: Tô saindo! Aí fui correndo, lá do cepê até a História, e eu precisava mijar. Fui no mictório mesmo, todo de shorts, meião e faixa no cabelo. Quando fui sacar o badalo, aquela decepção. Vi, pensei “Meu Deus, o que aconteceu com o meu pinto?” Pois é, vocês sabem. Mínimo, minúsculo, diminuto, quase-nada, meu pênis havia encolhido por causa do frio, mas nunca antes havia ficado daquela forma. Senti vergonha, confesso, vergonha de ficar com aquela pouca coisa pra fora. Meu Deus, era menor que o meu mindinho, menor!

MENOR QUE O MINDINHO?

Menor, cara! Acredita? Tava lá, parecia, sei lá o que parecia! Fiquei triste, decepcionado. Minha maior vontade na hora era ter uma ereção, afastar o fantasma do ananismo peniano de mim, mas não, nada, aquele cheiro de urina, e o negão do meu lado, nada daquilo me excitava, não, pelo menos não naquela hora. Entrei no carro da minha carona e voltei pra casa, olhando o trânsito pela janela, vendo meu reflexo no vidro, e pensando “Mas que pintinho pequenininho rsrss” Não me deixei abalar, mas hoje em dia dou valor a cada ereção. E quando eu digo “dou valor” eu quero dizer “bato uma punheta gostosa” e quando eu digo “bato uma punheta gostosa” eu quero dizer “vejo fotos de cachorros pelados na internet” e quando eu digo “vejo cachorros pelados na internet” eu quero dizer “quando vou ao petshop fico esfregando meu pau duro contra o vidro que me separa dos filhotinhos” e quando digo “fico esfregando meu pau duro contra o vidro que me separa dos filhotinhos” eu quero dizer “pedofilia não é crime quando aliada à zoofilia”.

Um abraço.

1 Comment

Filed under Duplo sentido, Gay's the way, Maluco chato, Mulheres gostosas, Não foi bem assim, Pedofilia é crime, Putaria e abominação, Que papo é esse?

One response to “Pizza

  1. O post é antigo e você provavelmente nem vai ler isso, mas fica o registro pra história:

    Bom texto.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s